Visualizando posts com a tag " negócios"

Blog para micro-negócios

ago 1, 2006   //   por Blog Corporativo   //   Pequenas Empresas  //  1 Comentário

dsc_014412890.jpgEm uma indicação do Seth Godin, fui direcionado para um artigo sobre internet marketing no Canadá.

Neste artigo, Bill Sweetman estava contando que muitas pessoas perguntam sobre exemplos de usos de blogs nas empresas, mas que muitas vezes, somente empresas relacionadas com internet e tecnologia são as que possuem a maior parte dos exemplos de blogs corporativos. Mesmo as empresas menores.

Depois de receber um livreto de turismo que continha informações sobre passeios para observar baleias, Bill levantou uma lista e foi buscar suas respectivas páginas na internet. As que não tinham página, ele ignorou. Dentre as que tinham website, Bill acabou encontrando um blog de uma funcionária de uma das empresas, uma biologa apaixonada pelo assunto.

A empresa se chama Quoddy Link Marine. Bill viu fotos tiradas na manhã em que ele pretendia observar as baleias, e não teve dúvidas qual seria a empresa escolhida.

Não importa se o blog de sua empresa recebe poucas visitas por dia. Se essas forem as pessoas certas, a recompensa é certa.

Leituras que valem a pena #17

ago 1, 2006   //   por Serendipidade   //   Marketing / Negócios, Serendipidade  //  1 Comentário

Must Read Business Books | Nettie Hartsock
A jornalista Nettie escreve um blog que fornece resenhas de livros de negócios badalados lá fora.

Eight Tips for Better Brainstorming | BusinessWeek
Oito dicas para obter um melhor brainstorm de idéias.

Doing Business 2006 | World Bank & International Finance Corporation
Um relatório anual e completo (em PDF) que investiga mudanças nas regulações do governo e economia que ajudam ou bloqueiam os negócios, e faz uma comparação compreensiva entre 155 países do mundo. Em uma das tabelas é mostrado que o Brasil está em 119o. lugar na lista dos países onde é mais fácil desenvolver o seu empreendimento.

Riscos que os blogs podem criar nas empresas

jul 6, 2006   //   por Blog Corporativo   //   Crises, problemas e riscos  //  8 Comentários

308401_falling_off_a_cliff.jpgO primeiro passo para criar um blog corporativo é definir seu objetivo e planejá-lo bem e detalhado para cobrir todos os riscos que o blog pode introduzir nos seus negócios.

  • Riscos de Segurança – Vazamento de informações confidenciais da empresa, divulgação de material de propriedade intelectual. Muitas empresas barram acesso a blogs para evitar que funcionários façam comentários acidentais, e outras têm medo de disponibilizar blogs de funcionários com a mesma preocupação.
  • Riscos de Controle – Se uma empresa não monitorar adequadamente o uso de blogs e amarrar uma política de uso eficiente, ela estará sujeita a posts de má qualidade ou comprometedores. Cada post é um registro e conseqüentemente uma prova caso o mesmo provoque problemas para a empresa.
  • Riscos de Spam – Uma empresa que possui um blog está sujeita à invasão de spams ou propagandas indesejadas nos comentários e trackbacks. É aconselhado o uso de ferramentas (scripts) de blogs mais conhecidos e com fucionalidades de combate ao spam reconhecidos e eficientes.
  • Riscos Legais – Posts ou comentários que violam direitos autorais, invadem a privacidade (postar e-mails por exemplo) ou difamam terceiros. Mais uma vez a política e normas de uso de blogs e a sua relação com a empresa devem estar cobrindo este aspecto. É importante obter a assinatura dos funcionários sobre a política uma vez que já esteja estabelecida. Também é interessante treinar seus funcionários mais ligados ao blog.
  • Riscos de Produtividade – O acesso a blogs dentro da empresa pode gerar problemas de produtividade. O mesmo se aplica a empresas que possuem blogs que são escritos por funcionários. Algumas empresas barram o acesso a blogs – prática ruim porque os blogs também contém informações interessantes dependendo da área e departamento da empresa – e, dentre as empresas que blogam, a política deve gerir a freqüência de uso e publicação de posts para controlar o tempo de forma mais precisa. Contratar um blogueiro pode ser interessante.
  • Riscos Regulatórios - Dependendo da área de atuação da empresa, posts ou comentários desavisados podem prejudicar a empresa perante regras regulatórias de órgãos governamentais ou legislativos. É importante revisar as políticas de uso para cobrir aspectos regulatórios.
  • Riscos de Reclamações – Independentemente se a sua empresa bloga ou não, todos estão sujeitos a reclamações de clientes em outros blogs e websites existentes. A empresa deve estar de olho na blogosfera procurando comentários que possam prejudicar caso alguma ação não seja tomada à tempo.

Mais um diretório de Blogs Corporativos

jun 24, 2006   //   por Blog Corporativo   //   Blog Corporativo  //  Nenhum comentário

logo.gifAlém dos já conhecidos (e internacionais) Fortune 500 Blogs e o The New PR Wiki, acaba de ser lançado mais um diretório de blogs de negócios internacional:

O Blog Business ainda possui relativamente poucos endereços de blogs corporativos, mas não deixa de ser uma alternativa para divulgação e criação de links para seu próprio blog de negócios.

Para refletir casos nacionais e promover a blogosfera corporativa brasileira, criei um diretório de blogs corporativos brasileiros. Conheça o Blog Corporativo Wiki

Blog da Livraria Osório

mai 26, 2006   //   por Blog Corporativo   //   Pequenas Empresas  //  Nenhum comentário

Livraria OsórioOs pequenos negócios despontam na adoção de blogs corporativos. Acompanhe o Blog da Livraria Osório, uma livraria e sebo localizada em Curitiba-PR.

Veja alguns dos temas tratados no blog:

  • Incunábulo
  • A digitalização dos livros
  • O Primeiro Romance da História
  • O mais velho livro impresso do mundo
  • Papel inteligente está quase se tornando uma realidade
  • Biblioteca Móvel Itapemirim

Blogs de pequenas empresas

mai 24, 2006   //   por Blog Corporativo   //   Pequenas Empresas  //  6 Comentários

Pajama MktO Pajama Marketing promete trazer exemplos diários de blogs usados em pequenas empresas nos mais diversos ramos de atuação. É uma ótima fonte de inspiração para aquelas empresas menores que buscam inspiração para publicar os melhores e mais efetivos posts.

Se o interesse é diretamente voltado para tendências em negócios de pequenas empresas, recomento o blog Small Business Trends.

Por fim, nada melhor que dicas de marketing voltadas para pequenos negócios, e um dos especialistas no assunto é John Jantsch do Duct Tape Marketing.

Executivos desconhecem blogs

mai 23, 2006   //   por Blog Corporativo   //   Apresentações/Pesquisas  //  4 Comentários

Segundo pesquisa do eMarketer, os executivos das maiores empresas americanas parecem andar desconfiados dos reais benefícios que o blog pode trazer para seus negócios. Observe a figura abaixo:

eMarketer

Mas a mesma pesquisa mostrou que apenas 30% dos executivos conhecem a fundo o que os blogs para negócios significam. E apenas 20% acompanham a blogosfera para adquirir conhecimento de tendências e acompanhar o que está sendo dito sobre suas empresas.
Sobra espaço para educar os líderes das empresas sobre o valor que o blog pode gerar. A percepção dos benefícios pode colocar seus negócios na frente dos seus concorrentes.

Press-Release !

mai 20, 2006   //   por Blog Corporativo   //   Blog Corporativo  //  3 Comentários

O livro continua na gráfica, e deve entrar em pré-venda nos próximos dias. Aguardem mais novidades sobre a pré-venda, o lançamento e a noite de autógrafos.

Já ouviu falar em Blog Corporativo?

O livro Blog Corporativo mostra como melhorar o relacionamento com seus clientes e fortalecer a imagem da sua empresa a partir do uso dessa ferramenta

É o assunto do momento: todo mundo tem um blog ou participa de um. Essa rede de comunicação ininterrupta, que transmite e recebe mensagens na velocidade da internet, pode funcionar além disso. A proposta de Fábio Cipriani em sua obra Blog Corporativo é justamente essa: por que não aproveitar a eficiência da blogosfera para alavancar seus negócios e fortalecer a imagem da sua empresa?

“O principal objetivo é disponibilizar um guia prático para orientar empresários e gestores de pequenas, médias ou grandes empresas sobre como utilizar e tirar proveito dos blogs dentro da companhia, ativa ou passivamente, com o intuito de aumentar e fortalecer o relacionamento com os clientes”, explica o autor.

O livro, dividido em três partes, expõe amplo panorama para atingir essa meta: além do conceito e da metodologia para a criação do blog corporativo, há ainda os tipos de uso que um blog pode assumir na empresa, suas vantagens e armadilhas, o uso de blogs para público externo e interno, a importância de monitorar e estar inserido na blogosfera, tendências, dicas e o cenário dos blogs corporativos no Brasil.

A linguagem leve e prática, sem complicações técnicas, traz relatos atuais que acrescentam e exemplificam os conceitos. Cipriani desvenda, assim, a “era do Blog” ao leitor interessado em fazer parte desse universo.

Jonathan Schwartz, presidente da Sun Microsystems, alerta: “Possuir o próprio blog será tão obrigatório quanto possuir um e-mail ou um telefone, quem não tiver um blog se tornará inútil”. Nessa nova era, onde se situará a sua empresa ou seus negócios? Você certamente precisa ler as sugestões de Blog Corporativo.

(O livro se estende na internet sob a forma de um blog que discute novos casos e explora o mundo do blog usado como ferramenta de negócios: acesse www.blogcorporativo.net)

Sobre o autor

Fábio Cipriani é Engenheiro Elétrico pela Universidade de São Paulo, Master of Science in Wireless Systems pelo Politecnico di Torino em Turim, na Itália, pós-graduado em Economia e Gestão de Pequenas e Médias Empresas pela Università degli Studi di Torino, e certificado em Management e Leadership Essentials pela Harvard Business School. Atua como consultor de gestão empresarial nas áreas de relacionamento com clientes e mercado e performance corporativa.

Detalhes do livro
ISBN: 85-7522-093-4
Dimensões: 16 x 23 cm (com orelha)
Número de páginas: 208

Só falta a sua empresa…

abr 6, 2006   //   por Serendipidade   //   Marketing / Negócios  //  5 Comentários

(c) yotophoto.com…para participar deste grupo seleto de exemplos de blogs usados nas empresas e para negócios:

Amazon, Avaya, BMC Software, Cisco, Dell, EDS, Ford, GM, HP, Microsoft, Sprint, Renault F1 Team, Sun, Texas Instruments, Boeing, Oracle, SAP, BMW Oracle Racing, McDonalds, IBM, Ducati e [Sua empresa aqui].

Reforçando o pedido, estou terminando o meu livro sobre Blogs Corporativos, e gostaria de saber se a sua empresa já está blogando. Ou mesmo se você conhece alguma outra que está blogando aqui no Brasil. Exemplos nacionais.

Como eu já havia dito, a seção de agradecimentos do meu livro não se esquecerá de vocês. Comente, me mande e-mail e deixe suas credenciais.

Relacionamento (verdadeiro) com clientes

abr 4, 2006   //   por Serendipidade   //   Marketing / Negócios  //  4 Comentários

(c) yotophoto.comTemos que ser generosos em relacionamentos.

O blog HorsePigCow apresentou uma série de características do relacionamento e amizade, mas eu gostaria que vocês fizessem a leitura sob o ponto de vista de relacionamento com seus clientes.

Apliquem essas regras ou observações básicas na sua maneira de fazer negócios, e você poderá enxergar o quanto verdadeiras elas são.

  • O resultado do relacionamento é proporcional ao quanto você se dedica a ele.
  • Para ter um amigo, você precisa ser amigo.
  • A pior ferida é a traição de um amigo. Algumas pessoas perdoam ou são perdoadas, mas se você apronta uma vez, nada será como antes.
  • Relacionamentos possuem limites que devem ser respeitados.
  • Amigos casuais vêm e vão, mas relacionamentos verdadeiros duram para sempre.
  • Quando alguém faz você se sentir bem consigo mesmo, esse alguém é um amigo. Se alguém faz você se sentir mal, provavelmente esse alguém não é um amigo.

Para o terceiro ponto eu dedico o meu post sobre a TIM. Ou poderia discorrer sobre os problemas de um celular da LG recém-comprado (menos de 1 mês) que já está na assistência técnica, e o pior é que eles não trocam por um novo.

Para o último eu cito os recentes acontecimentos com os celulares da Motorola.

Porque telefonia tem que ser o pior exemplo? Simples, porque é o tipo de serviço que MAIS depende do bom relacionamento, isso devido à propriedade de descarte que está se tornando cada vez mais viável. Não gostou, trocou.

Para clientes como os do meu perfil, só resta uma resposta: “Nunca mais compro nada da LG, porque eles não foram amigos.”

Você já teve um “mau relacionamento”? Se importa de contá-lo para nós? Revolte-se!

Páginas:«12345678»