Papo Furado #1 – Lado esquerdo versus lado direito do cérebro

jul 1, 2008   //   por Serendipidade   //   Comportamento  //  18 Comentários

Bailarina girandoRecebi por email a figura ao lado. Para que lado a bailarina gira? Horário? Anti-horário? Os dois?

O email diz que dependendo do resultado você usa mais o lado esquerdo ou direito do cérebro:

Segundo alguns estudiosos, se você vê a mulher
girando no sentido horário, significa que trabalha mais o lado direito do
cérebro (intuição). Se, no entanto, você a vê girar no sentido
anti-horário, utiliza mais o lado esquerdo do cérebro (raciocínio). Faça a
experiência…

Se você se esforçar você conseguirá ver a bailarina rodando para qualquer dos lados. Eu vejo anti-horário na maioria das vezes que olho, mas consigo inverter facilmente (admito que a primeira vez foi mais difícil). Sou engenheiro (raciocínio?) e, portanto, o teste supostamente acertou. Mas não me convenço que um teste tão simples pode dizer tanto.

Você pode achar vários links para o teste na rede. Alguns deles inocentemente incentivam o conceito e outros, como é o caso da neurocientista Suzana Herculano-Houzel, opinam que o teste é papo furado. Deixando a neurociência de lado, o autor do livro “Freakonomics” também discutiu o teste e realizou uma pequena análise estatística para desbancar o teste.

Mas não vamos parar por aqui. Uma pesquisa conduzida por cientistas da Universidade de Melbourne e da U.S. Army Research Institute for the Behavioral and Social Sciences demonstrou que jovens com talento para matemática aparentemente usam melhor ambos os lados do cérebro, e que os dois lados estão envolvidos na resolução dos problemas matemáticos. Dizer que matemáticos usam “só” ou “mais” o lado direito é vago demais.

Outro artigo ainda mais interessante discute e trás a idéia de que mesmo tendo metade do seu cérebro removido cirúrgicamente você pode eventualmente (re)aprender recursos que seriam supostamente usados na metade removida. A chamada Plasticidade Cerebral.

Acho que a bailarina é mais uma ilusão de ótica que um teste científico. Um papo furado.

18 Comentários

  • Achei o teste furado, pois observando a figura durante algum tempo percebi que a mesma gira em sentido horário e depois em sentido anti-horário. Ou seja, a figura que alterna o movimento em determinado espaço de tempo.

    • Quem achou o teste furado foi muito egoísta e não chamou a turma de casa para ver também porque na minha casa todos conseguem ver a dançarina girar para os dois lados em lapsos de segundos enquanto eu, por mais esforço que faço, só consigo ver ela girar para um lado só que é o horário. Haja intuição.

  • Inclusive, observando mais atentamente, descobri o que muda na imagem: a direção do perna de apoio da bailarina. Repare na posição do pé que não está levantado!!

  • este teste é meio esqquisisto , a imagem troca de fato de rotação…

  • A bailarina muda o sentido sozinha! não é nem ilusão de ótica, é picaretagem mesmo!

    • Se você abrir o arquivo .GIF num editor de gifs animados vc verá que a imagem nao muda de direção, é só uma animação 2D simples. A 3a. dimensão (profundidade) é nós que criamos nas nossas cabeças, e a direção é só a forma que entendemos a figura dependendo de como olhamos.

      • A imaginação pode mais que o conhecimento. Foi Einstein que disse isso,não? Bem, eu tentei imaginar por que eu via a bailarina girando para a direita e quando olhava de relance, a via girando para a esquerda. Aí me lembrei que a imaginação é tão poderosa que a minha visão poderia ser uma “imaginação”. Depois, eu lembrei da boca da Monalisa que sorri quando olhamos diretamente para os olhos dela e fica séria, quando nossa atenção se volta para a própria boca. E saquei nos comentários que alguns querem descobrir onde está o segredo, a armação, enquanto outros se encantam com a maravilha da descoberta.

  • Cara, ótima matéria muito bom este teste.

  • Gente, façam o teste. Se mantendo a 30cm do monitor, vá um pouco para a esquerda de modo que olhando para frente está a borda do monitor. Fixando o olhar no centro, ou seja, na borda esquerda do monitor,utilizando apenas sua visão periferica, voce ve a bailarina girando para que lado? E fazendo o contrario, se deslocando para direita e fixando o olhar na borda direita do monitor, para que lado ela gira? Se estiver em frente da borda esquerda, a bailarina fica no seu campo visual direito, que é interpretado pelo lado esquerdo do cerebro, fazendo com que vc veja ela rodar no sentido anti-horario. Já fixando o olhar à direita, a bailarina fica no seu campo visual esquerdo, sendo interpetrado pelo hemisferio direito, devendo ela girar no sentido horario. Se o teste da bailarina é verdade, então esse teste que eu disse deve funcionar!

  • FUNCIONA!!!

    Sinistro, visualizei a imagem junto com meu irmão. MUITO MAAAASSSSA

    Ele via girando pra um lado e eu para o outro, ao mesmo tempo.

    Também consegui pirar, “fazia” ela girar para um lado e depois para o outro. Muito boa essa…

  • vi com meu marido também…enquanto para mim girava só para o lado direito…para ele girava hora para esquerdo e hora para direito…quando fui ler aqui a explicação para tentar entender passei a ver a bailarina girando para a esquerda quando falava com meu marido ela voltava para a direita. Fazer o teste com outra pessoa junto é bem legal…

  • Pode ser que ao vê a doida ai girando no sentido horário quem sabe o camarada não seja um “retardado”?

    Pois com essa perna distante do corpo e esse braço não tem como perceber giro algum no sentido no sentido horário, somente no anti-horário.

    Braços ;)

  • Olá,

    Ótimo o seu texto.

    No meu blog tem um link para sua página.

    http://qualidade-ideias.blogspot.com/

  • Sei lá tem hora que gira para os dois lados acabou ficando um pouco confuso!

  • Consegui controlar a direção que a bailarina girava , primeiramente fiquei assustado mais depois de um tempo comecei a perceber a jogada .se tu olhar do lado direito da figura , sem olhar diretamente e depois olha-la vera que ela girara no sentido horario , e se tu olhar do lado esquerdo e depois olha-la vera que ela gira no sentido anti horario , compliquei né …ou simplesmente olhe fixadamente para o pezinho dela por algum tempo até que ela gire no sentido anti-horario

    Esse texto da Joana ta bem explicadinho

    –Gente, façam o teste. Se mantendo a 30cm do monitor, vá um pouco para a esquerda de modo que olhando para frente está a borda do monitor. Fixando o olhar no centro, ou seja, na borda esquerda do monitor,utilizando apenas sua visão periferica, voce ve a bailarina girando para que lado? E fazendo o contrario, se deslocando para direita e fixando o olhar na borda direita do monitor, para que lado ela gira? Se estiver em frente da borda esquerda, a bailarina fica no seu campo visual direito, que é interpretado pelo lado esquerdo do cerebro, fazendo com que vc veja ela rodar no sentido anti-horario. Já fixando o olhar à direita, a bailarina fica no seu campo visual esquerdo, sendo interpetrado pelo hemisferio direito, devendo ela girar no sentido horario. Se o teste da bailarina é verdade, então esse teste que eu disse deve funcionar!

  • aff, demorei mais de uma hora pra conseguir ver essa doida virando em sentido anti-horario, e qdo vi num demorou nem 5 segundos pra ela voltar pro sentido horário, minha mae nao consegui ver nem uma vez ela girar no sentido horario!!E mt doido

  • Gente a imagem nao muda de direção, é só uma animação 2D.
    É sua imaginação que manda a imagem girar horário e anti, pois nosso cérebro tem um poder enorme sobre isso.
    Observe na hora que ela cruza as pernas, é ai que sua imaginação entra em ação.
    Vc pode ver a perna esquerda sobre a direita ou vise versa, observe isto

  • Estranho, sou da área de informática e engenharia, sendo estudante em engenharia da computação, e vejo a figura rodando em sentido horário sempre.

    Será que isso explica o meu talento natural de resolver problemas algorítmicos observando um solução genérica primeiro e a refinando ao poucos. Tanto para implementação de software quando de hardware, não consigo resolver um subconjunto do problema sem antes ter visualizado o problema como um todo e achado um possível caminho de solução geral.

    Vejo a informática como uma arte. A junção de vários componentes simples, trabalhando em conjunto. Acho realmente uma coisa linda.

Escreva um comentário