Visualizando posts em "Marketing / Negócios"

Geração C ou geração V?

nov 21, 2007   //   por Serendipidade   //   Marketing / Negócios  //  2 Comentários

U.S. Department of DefenseA Gartner lançou uma pesquisa na semana passada que dizia que a Geração Virtual ou Geração V vai incutir uma mudança profunda no mercado e na maneira de se relacionar com os consumidores. A Gen.V é composta pelas Gen.Y e Gen.X só que no mundo virtual onde, de certa forma, não existe gênero, classe, nem informação de renda ou mesmo da idade dos clientes, ficando aparente somente as competências, motivações e esforços. Isso faz com que a Geração V possa ser segmentada em termos gerais ou mais amplos, e não 1-a-1.

A história é mais ou menos assim: Como blogs, comunidades, navegação e troca de informações correm de forma anônima em diversos graus de anonimato (do mais explícito ao menos explícito), restam às empresas somente a avaliação de seus hábitos de consumo, a forma com que comentam sobre esse ou aquele produto, e assim por diante. Sempre de maneira generalista e dificilmente no individualista.

De volta a 2005, quando escrevi sobre Geração C (Conteúdo e Criatividade), a referência ao fato de que os consumidores estavam adquirindo poder no momento de influenciar uma empresa e seus produtos está ligada ao que prega o conceito explicado pela Gartner do que é a Gen.V. Independentemente do termo utilizado é importante entender que o crescimento da internet só irá reforçar a necessidade de as empresas se adaptarem a essa nova maneira de divulgar sua marca e seus produtos de forma eficiente e alcançando maiores faturamentos.

Não é a mídia que importa, mas os modos

nov 1, 2007   //   por Serendipidade   //   Marketing / Negócios  //  Nenhum comentário

O artigo de Rick Milenthal na Advertising Age apresenta um conceito conhecido que relaciona publicidade ao estado, o modo em que seus clientes se encontram no momento do bombardeamento da mensagem. Ele acredita que os consumidores não abandonaram a publicidade de vez, e afirma que adequando a mensagem ao estado de comportamento do cliente pode fazer a diferença.

Ele identifica seis principais modos/estados em que os consumidores se encontram dependendo do que estejam buscando naquele momento (leia detalhes no artigo):

  1. ENTRETENIMENTO
  2. INFORMAÇÃO
  3. DESCOBERTA
  4. CONECTANDO
  5. COMPARTILHANDO
  6. EXPRESSANDO

Exemplo: Se os consumidores estão buscando entretenimento, eles querem ser entretidos. Se estão buscando conhecimento, eles querem informação. Se eles querem compartilhar, descobrir ou se expressar, eles querem que você viabilize isso.

O objetivo não é introduzir uma idéia blockbuster para o profissional de marketing, mas passar o recado de que com os novos canais de comunicação, é preciso também adequar a filosofia por trás das mensagens que buscam, de alguma forma, conquistar a preferência do mercado.

Blá, Blá, Blá….

out 9, 2007   //   por Serendipidade   //   Marketing / Negócios  //  Nenhum comentário

Se você não sabe disso ainda, eu retiro o que disse no título deste post.

Mais uma pesquisa comprova aquilo que todo mundo já conhece. Até porque somos consumidores nessa vida.

Uma pesquisa do eMarketer trouxe os resultados dos trabalhos com foco em “boca-a-boca”.

Tanto na vida real quanto na rede confiamos em testemunhos sobre produtos no momento de apertarmos o botão “comprar” na nossa cabeça.

O que eu não sabia é que logo após de recomendações lidas em blogs, fóruns e chats, está o “arcaico” jornal! Não é genial? Até que eles não ficaram tão longe da mídia gerada pelo cidadão comum na pauta de indicação de produtos.

O Adwords dançou também. Não em geração de receita, mas na percepção dos consumidores. Se isso for levado muito a sério pode ser uma corda no pescoço.

088018.gif

Revolução na comunicação – Novas profissões = Novas competências

out 4, 2007   //   por Serendipidade   //   Marketing / Negócios  //  4 Comentários

(c) Yotophoto.comNo mês passado quando comentei sobre reputação corporativa, mencionei o fato de as empresas estarem mais sensíveis a ataques ou problemas por causa da internet, mais ainda por conta dos blogs e comunidades virtuais.

Percebo que com a onda da web 2.0 e do wikinomics começaram a aparecer diversas agências ditas especializadas em webmarketing da nova geração da web. Pior, diversos profissionais se improvisam como consultores de blogmarketing.

Toda profissão está sujeita a sofrer mudanças por conta da prosperidade. A comunicação social e o marketing são algumas das tantas profissões existentes que estão sofrendo mudanças bruscas nesse contexto.

É importante estar atento, porém, às competências necessárias para manter a excelência nos serviços prestados no cenário 2.0.

Exemplo:

Dizer-se conhecedor da tecnologia e das plataformas de gestão de conhecimento como os blogs não basta para se auto-denominar um blogmarketeiro, é necessário saber gerir a complexidade da reputação (seja da empresa ou pessoal) nas novas mídias sociais.

Diversas são as competências necessárias para ser um verdadeiro marketeiro ou comunicador da nova geração. A publicidade televisiva em tempos de YouTube, os mash-ups, a wikiconomia, juntamente com outros neologismos da nova geração da internet exigem muito mais do neoprofissional do que podemos inicialmente imaginar.

Hora de repensar a publicidade televisiva

out 2, 2007   //   por Serendipidade   //   Marketing / Negócios  //  3 Comentários

Firebrand vem aí. Tem quem ache que vai pro saco e quem ache ambicioso. Será um tipo de YouTube mantido por empresas, as quais divulgam seus comerciais no portal.

As empresas precisarão criar comerciais que valem a pena serem postados, tanto para a própria marca quanto pela sobrevivência do novo portal. Será que vai?

Tabela de termos de branding e marketing

set 26, 2007   //   por Serendipidade   //   Marketing / Negócios  //  Nenhum comentário

branding elementsA Kollbrener, uma agência de marketing americana, preparou com zêlo uma tabela “periódica” dos termos relacionados a marketing e branding.

Muito instrutiva e bastante completa. Cobrindo todos os termos relacionados com publicidade, marketing, entre outros.

Clique na figura.

EGM – Mídia gerada pelos funcionários

set 23, 2007   //   por Serendipidade   //   Marketing / Negócios  //  Nenhum comentário

O John Moore indicou um artigo do Wall Street Journal que aponta uma nova tendência nas firmas de auditoria americanas: o conteúdo / mídia criado pelo funcionário. A verdadeira intenção é conseguir chamar a atenção de estudantes universitários para compor o corpo de profissionais de uma determinada firma.

Ainda que parando pra pensar, nem houve tempo hábil para que as empresas começasssem explorar melhor o UGC ou UGM (User Generated Content / Media), ou no linguajar da web 2.0: Crowdsourcing.

Depois ele continuou a discussão no seu blog apontando EGMs (Employee Generated Media) relacionados com o Starbucks e com a Deloitte.

Voltando na questão comentada no primeiro parágrafo e relacionada com a Deloitte. Foi lançado um concurso na firma americana convidando os funcionários a criarem vídeos que respondessem a pergunta: “Qual é a sua Deloitte?”. Os 14 melhores vídeos foram escolhidos e estão na página oficial do concurso no YouTube. E ficaram ótimos.

O que os funcionários da sua empresa falariam dela? De que forma uma iniciativa de EGM poderia ser beneficial para sua marca?

Reputação corporativa

set 19, 2007   //   por Serendipidade   //   Marketing / Negócios  //  1 Comentário

“A reputação corporativa é um importante elemento para crescimento dos negócios” – essa é a frase que apresenta os serviços de consultoria da Harris Interactive sobre o tema. O desenho abaixo, criado pela Harris, apresenta as 6 dimensões da reputação corporativa.

É importante notar que a reputação de uma empresa está mais sensível do que nunca, isso devido à presença dos blogs e comunidades virtuais, os quais sempre estão comentando e argumentando pontos nem sempre a favor das empresas.

Mais relevante ainda é dizer que as próprias “armas” que podem atingir a reputação das empresas também servem como antídoto ou prevenção.

rq.jpg

Idéias para Web 2.0

set 18, 2007   //   por Serendipidade   //   Marketing / Negócios  //  Nenhum comentário

Dica quentíssima para quem serve:

Queridos copiadores brasileiros, sigam este link para obter 40 idéias inovadoras de sites/empresas de web 2.0. Vocês nem precisam pagar caro para participar desses encontros sobre web 2.0 que estão na moda…

Hoje é o dia do cliente

set 15, 2007   //   por Serendipidade   //   Marketing / Negócios  //  2 Comentários

cbca_campanhas3.jpgPara quem não sabia, dia 15 de setembro é o Dia do Cliente. A data foi idealizada por João Carlos Rego e possui inclusive um website próprio.

A data ainda não é oficial no Brasil todo, mas está se espalhando. Já é data oficial do calendário de cidades de alguns estados como São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Paraná, Rondônia, Roraima, Bahia, Goiás, entre outros.

Veja as dicas de como aproveitar o dia do cliente na sua empresa (retirado do website):

• Anúncios em veículos de comunicação;
• Anúncios em mídia externa (front-lights, outdoors e bus-door);
• Promoção especial (desconto ou condição diferenciada de pagamento);
• Decoração especial;
• Distribuição de brindes;
• Realização de sorteios;
• Receber os Clientes com guloseimas, salgadinhos, refrigerantes;
• Envio de mala-direta, folders;
• Mensagem especial nas ligações telefônicas e/ou telemarketing;
• Banner na homepage na Internet;
• “pop-up” na Internet;
• Telefonemas e/ou torpedos através de aparelho celular;
• Cartões ou etiquetas nas embalagens dos produtos;
• Alusão ao Dia do Cliente nas assinaturas das correspondências, a exemplo do que é feito no Natal;
• Homenagens através de e-mail marketing;
• Anúncios conjuntos e/ou encartes em jornais e revistas;
• Cupons de desconto.

Páginas:«12345678...15»