Visualizando posts com a tag " website"

The 150 top marketing blogs

mar 26, 2007   //   por Serendipidade   //   Marketing / Negócios  //  1 Comentário

The power 150Clique na figura ao lado para a lista dos melhores blogs de marketing. O critério de classificação não é por conteúdo, mas por popularidade. O resultado é diário, o que significa que o ranking varia de acordo com a classificação em websites agregadores.

Boa fonte de novos blogs para quem está buscando mais conteúdo.

Blog para gestão do pânico

jan 3, 2007   //   por Blog Corporativo   //   Blog Corporativo  //  7 Comentários

Estava comentando no Serendipidade sobre a campanha do Banco do Brasil em busca de uma aproximação com os clientes que acabou gerando alguns contratempos.

Veja a história aqui. Veja a repercursão ao lado no gráfico da Technorati.
Website fora do ar. Call center derrotado.

O ponto é que se eles tivessem um blog há alguns meses a ponto de ser conhecido do público ou de ao menos alguns clientes, eu imaginava um outro cenário para eles:

  1. Um diagnóstico instantâneo do problema via comentários
  2. Call center mais tranquilo e menos sobrecarregado (menor custo)
  3. Um único post esclarecedor gerenciando todo o burburinho dos clientes
  4. Clientes esclarecidos e satisfeitos

Aliás, com um blog em ação, pra quê uma campanha para dizer que sua marca agora é marca do João do José ou da Maria? Mudar o nome da sua marca para o nome próprio dos seus clientes não é abrir porta nenhuma para eles. Abrir um blog e escutá-los sim.

Em tempo. Estou de férias, vou continuar postando menos até o fim deste mês.

Leituras que valem a pena #20

dez 6, 2006   //   por Serendipidade   //   Serendipidade  //  1 Comentário

Will the “Long Tail” Work for Hollywood? | HBS Sharing Knowledge
Julia Hanna apresenta este artigo discutindo modelos de negócios para uma possível salvação da indústria do cinema norte-americano. Inspirada pelo trecho do livro “Cauda Longa” que discorre exatamente sobre este tema. Hollywood já sobreviveu uma vez, na transição do cinema para o vídeo em locadoras, e agora?

Lessons Not Learned About Innovation | HBS Sharing Knowledge
No segundo leituras vindo do mesmo website, Rosabeth Moss Kanter responde algumas perguntas sobre as armadilhas da inovação.

Co-Creation Rules! | James Cherkoff & Johnnie Moore
Por último, ainda relacionado com inovação, os autores nos apresentam um manifesto sobre marketing feito por duas cabeças pensantes ao invés de uma. Sempre buscando uma melhor experiência do cliente.

Na hora de comprar, leia blogs

dez 1, 2006   //   por Blog Corporativo   //   Apresentações/Pesquisas  //  3 Comentários

Cerca de um terço dos europeus dizem que decidiram não comprar um produto depois de ler opiniões postadas em blogs da internet. Segundo um estudo divulgado este mês pela American Marketing Association (AMA), os comentários publicados por blogueiros influenciam consideravelmente a opinião de consumidores na hora das compras. A pesquisa, lançada a um mês das festas natalinas, o maior período de compras do ano, foi realizada pela Hotwire e pela Ipsos MORI. [...]

Isso mostra nada mais que uma realidade já presente entre os consumidores. A Internet possibilita alcançar de forma fácil as ferramentas que um consumidor precisa para decidir de quem e quando comprar. Desde websites de comparação de preços, passando por opiniões de outros clientes no próprio site do vendedor, fóruns e agora nos BLOGS.

Via Folha de S.Paulo.

Prêmio Pulitzer vai incluir blogs

nov 29, 2006   //   por Blog Corporativo   //   Blog Corporativo  //  3 Comentários

Wikipedia.orgO prêmio de jornalismo mais célebre do mundo está entrando na onda dos Blogs. Isso promete transformar de forma definitiva a atenção dada aos Blogs e seu poder “jornalistico” instantâneo, interativo e eficiente. Não que a própria imprensa já não se tenha dado conta disso, mas o fato é estimulante até mesmo para futuros escritores que venham a surgir por meio da sua fama nos blogs.

Assim como a internet, que é um grande meio para transferir idéias, modas, e até mesmo dados pessoais (muitas vezes prejudicial) de forma veloz, o blog em jornalismo, o qual eu não considero um Blog Corporativo apesar de ser parte de uma empresa, e o blog amador também navegam nessa onda e ajudam projetar pessoas que antes não teríam condições de se colocar no mercado de forma visível.

A informação está no press-release do último dia 27 no website oficial do Prêmio Pulitzer.

Via: Bloggers Blog

Breve história de domínios

nov 6, 2006   //   por Serendipidade   //   Comportamento  //  Nenhum comentário

zagbook.comSemana passada vi no The Blog Herald a história de uma companhia de Ohio nos Estados Unidos, chamada Universal Tube & Rollform Equipment Corporation, e que possui o seguinte website: www.utube.com.

A companhia alega que milhares e milhares de pessoas acabam caindo no seu website acidentalmente, aumentando o tráfego (e conseqüentemente os gastos) e fazendo com que a companhia começasse a receber ações movidas contra difamação, direitos autorais e outros cybercrimes.

“Erros de domínio” poderíamos dizer.

Algumas palavras usadas juntas para formar o endereço web de uma empresa ou qualquer instituição pode ser problemático ao assumir um certo duplo sentido. Veja uma pequena lista de “domínios azarados” como www.powergenitalia.com ou www.penisland.net.

Imagina colocar um nome parecido com Google.com para seu site?! Que tal googkle.com, ghoogle.com, gfoogle.com ou gooigle.com???

Muitíssimas visitas na certa. Mas o Google já andou caçando esses domínios praticamente homônimos, e ganhou boa parte deles em disputas judiciais.

www.acabou.com.br

Como medir a influência do seu blog

ago 21, 2006   //   por Blog Corporativo   //   Métricas  //  3 Comentários

A iMedia Connection apresentou um artigo interessante que explica como medir a influência do seu blog. As métricas são montadas utilizando serviços de busca e indexação de websites ou específicamente de blogs, e outras ferramentas.

A idéia é abrir uma planilha e entrar com os dados abaixo semanalmente, para obter um histórico de sua evolução dentro da blogosfera.

  • Technorati: Blogs que linkam seu site
  • Technorati: Número de links de entrada para o seu site
  • Bloglines: Total de citações (parecido com o do Technorati)
  • Analytics: Pageviews
  • Analytics: Novos visitantes
  • Analytics: Visitantes recorrentes
  • Analytics: Referências
  • Analytics: Referências Orgânicas
  • Analytics: Referências Diretas
  • Base de Dados (proveniente do CMS do seu Blog): Novos membros/clientes
  • Base de Dados: Receitas de (vendas diretas/afiliados/parceiros/revendas/etc.)
  • Alexa: Rank semanal
  • Email: Aberturas (Se possível monitorar)
  • Email: Visitas provenientes de e-mails
  • Email: Encaminhamentos (Se possível monitorar)

12 motivos para ter um blog na sua empresa

ago 10, 2006   //   por Blog Corporativo   //   Blog Corporativo  //  4 Comentários
  1. Colocar o seu CEO ou profissional como líderes de tendências, experts no assunto, projetar imagem da empresa.
  2. Humanizar a empresa dando um rosto a ela e conseqüentemente maior transparência.
  3. Melhorar o relacionamento com seus clientes.
  4. Ferramenta para suporte interno ou externo de seus produtos ou serviços.
  5. Promover sua marca.
  6. Fonte de informação sobre a empresa, invertendo a relação Empresa-Imprensa.
  7. Construir relacionamento com possíveis parceiros e interessados em potencial.
  8. Manter contato com clientes e parceiro por meio de um canal acessível.
  9. Promover um produto ou receber ajuda para desenvolver novos produtos.
  10. Recrutar funcionários.
  11. Aumentar o tráfego de seu website.
  12. Aproximar funcionários e colaboradores da liderança da empresa, quebrando barreiras de comunicação.

Blog para micro-negócios

ago 1, 2006   //   por Blog Corporativo   //   Pequenas Empresas  //  1 Comentário

dsc_014412890.jpgEm uma indicação do Seth Godin, fui direcionado para um artigo sobre internet marketing no Canadá.

Neste artigo, Bill Sweetman estava contando que muitas pessoas perguntam sobre exemplos de usos de blogs nas empresas, mas que muitas vezes, somente empresas relacionadas com internet e tecnologia são as que possuem a maior parte dos exemplos de blogs corporativos. Mesmo as empresas menores.

Depois de receber um livreto de turismo que continha informações sobre passeios para observar baleias, Bill levantou uma lista e foi buscar suas respectivas páginas na internet. As que não tinham página, ele ignorou. Dentre as que tinham website, Bill acabou encontrando um blog de uma funcionária de uma das empresas, uma biologa apaixonada pelo assunto.

A empresa se chama Quoddy Link Marine. Bill viu fotos tiradas na manhã em que ele pretendia observar as baleias, e não teve dúvidas qual seria a empresa escolhida.

Não importa se o blog de sua empresa recebe poucas visitas por dia. Se essas forem as pessoas certas, a recompensa é certa.

55 maneiras de se divertir com o Google

jul 18, 2006   //   por Serendipidade   //   Serendipidade  //  2 Comentários

Philipp Lenssen, autor do ótimo blog Google Blogoscoped, lançou há alguns meses o livro 55 Ways to Have Fun With Google (55 Maneiras de se Divertir com o Google). Inclusive o livro está disponível para download em formato PDF para quem possa interessar.

Cortando o papo furado. O negócio é que serendipitosamente descobri que meu irmão foi citado no livro na dica número 31.

31. Dig a Hole Through Earth

“I wonder if I shall fall right through the earth! How funny it’ll seem to come out among the people that walk with their heads downward! The antipathies, I think—” (she was rather glad there was no one listening, this time, as it didn’t sound at all the right word) “—but I shall have to ask them what the name of the country is, you know. Please, Ma’am, is this New Zealand? Or Australia?” (and she tried to curtsey as she spoke—fancy, curtseying as you’re falling through the air! Do you think you could manage it?) “And what an ignorant little girl she’ll think me for asking! No, it’ll never do to ask: perhaps I shall see it written up somewhere.”
– Lewis Carroll, Alice in Wonderland

Have you ever wondered where you would end up if you dug a hole right through earth? Wonder no more (at least if you got an internet connection): Luís Felipe Cipriani from Brazil developed a website (www.55fun.com/31.1) based on Google Maps which lets you click on any starting point on the globe. A small info box pops up on which you can click “Dig here.” Afterwards you discover the location you would come out at the other end.

Páginas:«1234567»